Serviços

A LCL Service atua na inspeção de materiais em campo, análise de metais pesados no solo, análise de minérios e análise de metais preciosos, emitindo relatórios ou certificados das análises.

Prestação de serviços em campo (in-loco) de análise química, utilizando método não destrutivo (END), com a técnica de PMI (Positive Material Identification / Identificação Positiva de Material), utilizando equipamentos importados de alta tecnologia e com profissionais com grande experiência na execução dos serviços.

Realiza treinamentos para o uso dos equipamentos Thermo Scientific Niton.

Executa mediação na compra e venda de equipamentos novos e usados da Thermo Scientific Niton.

O equipamento portátil é capaz de qualificar e quantificar os elementos químicos de sua grade pré estabelecida:

Antimônio (Sb), Estanho (Sn), Paládio (Pd), Prata (Ag), Molibdênio (Mo), Nióbio (Nb), Zircônio (Zr), Bismuto (Bi), Chumbo (Pb), Selênio (Se), Tungstênio (W), Zinco (Zn), Cobre (Cu), Rênio (Re), Rutênio (Ru), Tântalo (Ta), Háfnio (Hf), Níquel (Ni), Cobalto (Co), Ferro (Fe), Manganês (Mn), Cromo (Cr), Vanádio (V) e Titânio (Ti).

Quando for analisada uma liga de metal que já esteja na biblioteca do equipamento, ela será apresentada no topo da tela do equipamento e em seguida a sua composição química.
No caso de metais é capaz de identificar materiais ferrosos e não ferrosos, baixa, média ou alta liga, aço inoxidável (séries 200,300 ou 400), aços ferramenta, ligas de cobre, ligas de níquel, ligas de cobalto, etc. A análise é pontual, é possível realizar a análise química a partir de limalhas e cavacos de metal, fios de diversas bitolas, em curvas, em superfícies ásperas e de diversas geometrias. Somente deve ser necessário que a superfície não esteja com tinta, graxa, verniz, deposição metalizada (galvanizado, niquelado, etc.) o que poderá alterar ou mascarar os resultados. Com grande experiência na área prestamos serviços de treinamento de uso e operação dos equipamentos nos seus diversos aplicativos do fabricante Thermo Niton Scientific

Algumas empresas no Brasil que já utilizam a tecnologia da análise de composição química portátil.

Sendo um ensaio não destrutivo (END) ou da tecnologia PMI, durante os processos de aquisição, recebimento, instalação, manutenção e fabricação ou na expedição de suas matérias primas, produtos acabados e equipamentos:

Falcão Bauer, Inmetro, IPT, Petrobras (RLAM, REVAP, RPBC, REGAP, REPAR, REFAP, RNEST, CENPES, SEQUI, etc) Braskem (diversas unidades), Cameron/One Subsea, Acesita, KSB, Novelis, Innova, Confab, Chevron, Technip, CSN, Vale, VSB, Votorantim, Henkel, Fundição Tupy, Sulzer, Rigesa, Cenibra, Dow Química, Deten Química, Metro SP, CBC, Anglo American, Engemasa, Flowserve, Pentair/Hitter, Peugeot/Citroen, Braniva, Moto Honda, Phillips, Yamaha, entre outras empresas.

Segmentos de Atuação

Oil & Gas
On - Shore
Off - Shore
Refinarias de Petróleo
Químicas
Petroquímicas
Alimentícia
Farmacêutica
Papel e Celulose

Siderúrgicas
Fundições
Automobilísticas
Autopeças
Energia
Metalúrgicas
Forjarias
Meio Ambiente